Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O Novo Reflexo de Pavlov.

por Volátil, em 28.04.15

O cão de Pavlov salivava quando lhe era apresentada comida. Quando a comida lhe era apresentada com o som de uma campainha o cão saliva por antecipação. Este reflexo condicionado, quando repetido, produzia o mesmo resultado com e sem condicionamente, ou seja, o cão tanto salivava com a apresentação de comida como apenas com o som da campainha. Perante estes resultados Pavlov inferiu que tinha descoberto o mecanismo de aprendizagem dos animais.

 

Hoje estava a fazer o almoço. Não tinha mais ninguém em casa e o único som que se ouvia era o do azeite do refogado a crepitar e o do exaustor por cima do fogão. Levei rapidamente a mão ao bolso. Estava vazio. Ia jurar que tinha sentido o telemóvel a vibrar. Continuei a preparar o almoço. Aquela sensação estranha, produziu em mim a antecipação de uma mensagem. Eu era, naquele momento, o cão de Pavlov. Procurei o telemóvel no outro bolso. Estava também vazio. Tentei reproduzir o movimento que terá levado o bolso das minhas calças de ganga a gerar o sinal da campainha. Acabei por direccionar o meu pensamento para outras coisas e acabei o almoço. Olhei rapidamente para o computador. Estava desligado. Ia jurar que tinha ouvido o som do Skype. Impossível. Mas aquela antecipação tinha sido tão forte com o vibrar do telemóvel no bolso vazio. Porem era claro que nenhuma delas tinha de facto existido. A ansiedade provocada pela antecipação de uma mensagem sinalizada por um som inexitente deixou-me preocupado. Uma associação involuntária de ideias. Um reflexo. Desta vez sem uma real campainha. Um novo refelxo de Pavlov?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:42