Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Cassaco de engenho.

por Volátil, em 22.02.16

Acabei de ouvir, na Antena 2 enquanto conduzia, o poema de João Cabral de Melo Neto (de quem nunca ouvi falar) intitulado "Festa na Casa-Grande". 
O cassaco, gambá ou opossum é um pequeno mamífero parecido com um texugo. É aqui comparado a um trabalhador na plantação de cana-de-açúcar. Com poucos ou nenhuns direitos. É retratado, na figura deste bicho, a sua miséria, o trabalho forçado, a doença, o escape na cachaça, a morte, "um fora sem dentro".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:06