Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Brutal, Top, Azia.

por Volátil, em 16.07.15

A internet aproxima as pessoas. Paradoxalmente, também afasta. Mas aproxima pela facilitação de comunicação. Comunicar, verbalmente ou pela escrita, é a forma primordial de nos ligarmos uns aos outros. Com a internet este contacto é constante e permanente. Abrimos o telemóvel e lá estão eles. Esta aproximação também nos está tornar cada vez mais iguais, está a homogeneizar uma já não muito diversificada pool social.
Cada vez mais se usam as mesma palavras, os mesmo chavões e até a mesma forma de falar. Parece que a teoria da evolução de Darwin se aplica aqui na perfeição. Perante as mesma pressões selectivas obtêm-se respostas evolutivas semelhantes. Com a queda das barreiras físicas que tornavam a comunicação entre grupos mais complicada, começa identificar-se um padrão geral da comunicação.

As coisas hoje ou são "brutais" ou "top". Sendo que o adjectivo "brutal" originalmente significa "Próprio de bruto, desumano, incivil" dá que pensar como chegou a "aquilo que impressiona ou é digno de admiração". Já "top" nem sequer é um adjectivo mas é usado como se o fosse. No dicionário "top" significa "Peça de vestuário feminino, geralmente sem mangas, que cobre o tronco". Mas a língua é viva e muda. contudo não se percebe a limitação da utilização destas duas palavras em relação a muitas outras. Daí a homogeneização. Estamos todos a ficar iguais. 
Por outro lado, se repararmos nos comentário de futebol aparecem sempre duas palavras "melão" e "azia". Que são usados mais ou menos indiscriminadamente para responder de forma standard e agressiva a algum adversário. Sempre da mesma forma. Utilizadas por todos.

Assim a queda das barreiras comunicacionais que sustentavam alguma singularidade das diferentes regiões e que geraram os sotaques e as expressões idiomáticas utilizadas por cada grupo... estão hoje a transformar-se numa massa amorfa de gente igual, que fala toda da mesma maneira, para dizer as mesmas coisas, para que gostem deles da mesma forma... empobrece... e isso entristece-me. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:18